Entendemos e fica muito mais claro que nesse momento onde a humanidade vive, com grandes desafios e readequações que o mundo passa, a importância de criar um ambiente saudável, seja em nossos lares, mas também nos ambientes de trabalhos, onde uma grande parte das pessoas convive diariamente. Em momentos pré pandemia, no Brasil, este desafio já era muito grande, por uma grande diversidade cultural, e necessidades muito diferente. Agora temos que somar isso a toda uma mudança não somente no ambiente, mas também a inclusão do trabalho remoto, e todo o impacto que isso traz para saúde das pessoas.

Quando abordamos saúde, o que mais importa, é a integralidade entre físico e mental. A maneira e os recursos que serão utilizados para conseguir este objetivo, pouco importa. Por muitos anos, seja no ambiente público ou privado, o ecossistema de saúde apresentou-se muito fragmentado, pouco resolutivo e extremamente caro. Saúde física e mental sempre foram tratadas como coisas distintas. Agora, após a catalisação gerada pela própria pandemia, ocasionou um certo desarranjo em todo este ecossistema, e teremos ao menos uma oportunidade para buscar uma reorganização, já muito mais integral e inclusiva.

Muitas empresas tradicionais, e de grande porte, além das empresas mais novas, que já nasceram com um cultura mais ampla relacionada a saúde e bem estar, estão adotando melhores práticas para que seus colaboradores sintam-se mais acolhidos no seu dia-dia, oferecendo vários serviços e acessos a este tema, como por exemplo a teleterapia, e todas as outras modalidades de telemedicina, como telereabilitação. A questão é que essas novas formas de acolhimento, e gestão do cuidado seguem uma tendência crescente neste novo cenário, e talvez em breve já seja algo muito diferente do que simplesmente disponibilizar as pessoas clínicas, hospitais ou laboratórios, através dos planos de saúde, ou outras formas de benefício.

Com foco em saúde de qualidade e otimização dos processos, a Livon oferece cuidados aos colaboradores da sua empresa de forma integral, e redução de custos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *